Publicidade
WebCariri Gospel | Porque OBEDECER a Deus?
/ Salvação / Porque OBEDECER a Deus?
Imprimir Not�cia

Tamanho da letra

24/06/2017 por Salvação
Porque OBEDECER a Deus?
`Não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá.´ (Gálatas 6.7)


"Porém Samuel disse: Tem porventura o SENHOR tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à palavra do SENHOR? Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros. Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniquidade e idolatria. Porquanto tu rejeitaste a palavra do SENHOR, ele também te rejeitou a ti, para que não sejas rei." (1 Samuel 15:22-23)
 
ESTAMOS EM PLENA BATALHA ESPIRITUAL

 

Ninguém está fora dela ou ninguém pode ser omisso: é luta diária e constante contra o inimigo, contra as obras das trevas, aqui e nas regiões celestiais. E isto é só o começo!

O propósito desta mensagem é mostrar para cada irmão que a DESOBEDIÊNCIA abre uma ilegalidade no mundo espiritual que se transforma em brecha escancarada para o diabo entrar e lançar maldição e derrota sobre o desobediente.

 A DESOBEDIÊNCIA É REBELIÃO E OBSTINAÇÃO

Nossos primeiros pais caíram exatamente nessa ilegalidade, A DESOBEDIÊNCIA, descrita em:

 

"ORA, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim? E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos, mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais. Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal. E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela."(Gênesis 3:1-6)

 

Desobedeceram e caíram em pecado.

Rebelião para Deus é igual ao pecado de feitiçaria; Obstinação é como pecado de idolatria e culto a ídolos. Aliás, idolatria é o pecado/delito que mais ofende a Deus.

 

A motivação por trás de toda REBELIÃO é o poder, ou seja, a capacidade de manipular as pessoas e circunstâncias em benefício próprio ou buscando enaltecimento pessoal.

Os passos que conduzem à REBELIÃO são:

   a) A perda do temor a Deus ou a negação da existência dEle;
   b) Acreditar na sua própria capacidade de auto-conhecimento ou que o homem seja divino;
   c) Envolvimento no ocultismo,  idolatria, adivinhação, astrologia, bola de cristal, cartomancia, telepatia, percepção extra-sensorial, premonição, magia branca e magia negra, mediunidade.


A cobertura espiritual do crente na Batalha é sua OBEDIÊNCIA ao Senhor, aos princípios de Sua Palavra.

Os amalequitas se constituíram no primeiro povo inimigo de Israel no deserto depois da saída do Egito:

 

"Então veio Amaleque, e pelejou contra Israel em Refidim. Por isso disse Moisés a Josué: Escolhe-nos homens, e sai, peleja contra Amaleque; amanhã eu estarei sobre o cume do outeiro, e a vara de Deus estará na minha mão. E fez Josué como Moisés lhe dissera, pelejando contra Amaleque; mas Moisés, Arão, e Hur subiram ao cume do outeiro. E acontecia que, quando Moisés levantava a sua mão, Israel prevalecia; mas quando ele abaixava a sua mão, Amaleque prevalecia.

Porém as mãos de Moisés eram pesadas, por isso tomaram uma pedra, e a puseram debaixo dele, para assentar-se sobre ela; e Arão e Hur sustentaram as suas mãos, um de um lado e o outro do outro; assim ficaram as suas mãos firmes até que o sol se pôs. E assim Josué desfez a Amaleque e a seu povo, ao fio da espada. Então disse o SENHOR a Moisés: Escreve isto para memória num livro, e relata-o aos ouvidos de Josué; que eu totalmente hei de riscar a memória de Amaleque de debaixo dos céus. E Moisés edificou um altar, ao qual chamou: O SENHOR É MINHA BANDEIRA. E disse: Porquanto jurou o SENHOR, haverá guerra do SENHOR contra Amaleque de geração em geração."(Êxodo 17:8-16)

Esta perseguição contra os "eleitos do Senhor", Israel, não ficaria impune para sempre: Deus mandou destruir os amalequitas.
 
Ainda hoje, não é inocente aquele que persegue o povo de Deus: Há vários anos, numa Igreja do Rio, um homem se levantou contra a Igreja: à tarde ele morreu fulminantemente com um enfarto. Em Macaé, Rio de Janeiro, havia um homem que jurava que os evangélicos não entrariam ali enquanto ele vivesse. No dia que o missionário Salomão L. Ginsburg entrou na cidade e pregou o Evangelho, o homem morreu.

Todos os povos que perseguiram os israelitas foram castigados: assírios, caldeus, alemães e tantos outros ainda.



Em primeiro lugar, A DESOBEDIÊNCIA DELIBERADA TRAZ GRAVES CONSEQÜÊNCIAS NO MUNDO ESPIRITUAL.

Saul não obedeceu ao que Deus tinha determinado: matou o povo, mas poupou o rei e o melhor do rebanho. Quando Samuel perguntou a Saul porque ele tinha desobedecido, alegou: "o povo cobiçara o melhor do rebanho e o poupara para oferecer sacrifícios a Deus..." Mentira!

Desta parte, tiramos uma lição: Deus quer LEALDADE e OBEDIÊNCIA à Sua Palavra, e não propriamente ofertas e sacrifícios. As ofertas e sacrifícios de louvor são agradáveis a Deus quando a vida está em conformidade com a vontade dEle, ou em legalidade com a vontade divina.

Em segundo lugar, DEPOIS DA DESOBEDIÊNCIA, VEM A DECADÊNCIA. Deus mandou Samuel falar com Saul sobre seu pecado da DESOBEDIÊNCIA. Foi um encontro dos mais dolorosos da vida de Saul: o rei, um homem culpado querendo esconder sua falta! Samuel lembrou-lhe que sendo ele, Saul, tão pequeno,
 
Deus o escolhera para ser rei de Seu povo. Saul tentou se justificar dizendo que tinha feito como tinha sido ordenado.

"Não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá." (Gálatas 6.7).
 
Samuel lhe perguntou: "que balido de ovelhas é este nos meus ouvidos, e o mugido de bois que ouço?". Se Saul tivesse confessado prontamente que caíra no pecado da ganância, teria sido perdoado: mas não, pôs a culpa no povo. Chegou a reconhecer seu pecado tarde demais, e foi destituído de seu reinado em Israel.
Em terceiro lugar, ESTAMOS EM BATALHA ESPIRITUAL:  A IGREJA ESTÁ COM "VÍRUS ESPIRITUAIS". Deus sabe que há "balidos" e "mugidos" estranhos dentro da Igreja.
 
Vejamos alguns tipos:
 
- Os Vícios, como forma de escravização usada pelo diabo através do domínio da vontade da pessoa.  Por exemplo:
o cigarro (chupeta), a bebida alcoólica (calmante), as drogas (estimulantes).
 
- O sexo ilícito, que consiste no uso do corpo de outra pessoa em total ilegalidade diante de Deus.
 
- Os bailinhos "gospel", como forma de expressão de louvor com o corpo com sensualidade, em ambientes nos quais Jesus, se convidado, não entraria.
 
- Heresias, que consiste na aceitação de pensamentos e dogmas contrários à Palavra e à vontade de Deus, ou sem fundamento na Palavra de Deus.
 
- O desrespeito às autoridades constituídas, inclusive na Igreja, aos governantes, às disposições legais ou estatutárias, aos professores, aos patrões, aos chefes, aos pais, mães e outros.
 
- Vida e atitudes mundanas,  ou seja, crente sem nenhuma diferença ou distinção com o perdido: o mundano. Identificação com o mundo,  aquele que pensa, age e faz, da mesma maneira que o mundano pensa, age e faz.
 
- Insubordinação dos filhos a seus pais, filhos que não reconhecem e não respeitam a autoridade do pai ou da mãe sobre sua vida. É como se tivessem falando com uma porta...
 
- Insubmissão da esposa a seu marido, como desobediência a princípios bíblicos de submissão da esposa ao marido em amor.
 
- Desamor e desrespeito dos maridos para com suas esposas, desobediência do marido ao princípio de devoção de amor para com sua esposa da mesma forma que Cristo como Cabeça e Noivo amou a Igreja: Seu Corpo e Noiva.
 
- Calotes ou dívidas não pagas, atitude irresponsável do devedor que menospreza a decência e a obrigação de dar satisfação a seu credor de sua incapacidade de pagamento. Dever não é feio. Feio é não pagar e nem dar satisfação que não pode pagar e nem propor acordo...
Em quarto lugar, A APOSTASIA DOS ÚLTIMOS TEMPOS É BASEADA NA DESOBEDIÊNCIA.

Enganaria, se possível, até os salvos: "Nesse tempo muitos ficarão escandalizados, trairão e odiarão uns aos outros, e numerosos falsos profetas surgirão e enganarão a muitos. Devido ao aumento da maldade, o amor de muitos esfriará..., pois aparecerão falsos cristos e falsos profetas que realizarão grandes sinais e maravilhas para, se possível, enganar até os eleitos." (Mateus 24.10 a 12 e 24).
 
A rejeição do amor à verdade é forte arma de engano diabólico:  
 
"A vinda desse perverso é segundo a ação de Satanás, com todo o poder, com sinais e com maravilhas enganadoras. Ele fará uso de todas as formas de engano da injustiça para os que estão perecendo, porquanto rejeitaram o amor à verdade que os poderia salvar. Por essa razão Deus lhes envia um poder sedutor, a fim de que creiam na mentira, e sejam condenados todos os que não creram na verdade, mas tiveram prazer na injustiça."  (2 Tessalonicenses 2. 9 a 12).
 
"Qualquer semelhança não é mera coincidência": o retrato do mundo dos nossos dias está em 2 Timóteo 3.3 a 5:
 
"Os homens serão egoístas, avarentos, presunçosos, arrogantes, blasfemos, desobedientes aos pais, ingratos, ímpios, sem amor pela família, irreconciliáveis, caluniadores, sem domínio próprio, cruéis, inimigos do bem, traidores, precipitados, soberbos, mais amantes dos prazeres do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando o seu poder. Afaste-se desses também."
O culto, o louvor, a oração, os uso dos dons espirituais e o serviço a Deus não têm nenhum valor aos olhos do Senhor se não forem acompanhados da OBEDIÊNCIA explícita, consciente e sincera aos princípios da Palavra de Deus.
 
"Mas as suas maldades separaram vocês do seu Deus; os seus pecados esconderam de vocês o rosto dele, e por isso ele não os ouvirá." (Isaías 59.2).
A DESOBEDIÊNCIA (o mesmo que APOSTASIA, o abandono da fé) deixa o transgressor fora da proteção ou da cobertura espiritual de Deus e o expõe ao poder destruidor de Satanás e dos espíritos malignos.
 
Deus passa a não ter mais COMPROMISSO com o desobediente. Ficar de fora da proteção ou da cobertura espiritual de Deus é queda na certa, é derrota nesta Batalha...
Concluindo, querido irmão, Você precisa de exemplos de homens que desobedeceram a Deus e que, por isso, tiveram sérios problemas na vida? Veja estes:
 
- ADÃO e EVA - "Visto que você deu ouvidos à sua mulher e comeu do fruto da árvore da qual eu lhe ordenara que não comesse, maldita é a terra por sua causa; com sofrimento você se alimentará dela todos os dias de sua vida." (Gênesis 3.17).
 
- ACÃ e sua família  foram executados porque Acã DESOBEDECEU à ordem de destruir Jericó e não tomar nada para si - "Mas os israelitas foram infiéis com relação às coisas consagradas. Acã..., apossou-se de algumas delas. E a ira do SENHOR acendeu-se contra Israel." (Josué 7.1, 18 a 20; 22, 24, 26).
 
- JONAS recebeu ordem de Deus para ir pregar em Nínive; tomou navio que ia para Tarsis: arrumou encrenca para si.
 
- FILHOS que não honram pai e mãe: "Honra teu pai e tua mãe, a fim de que tenhas vida longa na terra que o SENHOR, o teu Deus, te dá". (Êxodo. 20.12)
A vida de muitos jovens está sendo encurtada porque DESOBEDECEM seus pais. Pesquisas do IBGE indicam que jovens moradores de favelas de São Paulo e Rio que chegam a 18 anos são poucos e se tornam chefes de traficantes...
A OBEDIÊNCIA é fonte de bênção e de vitória nesta Batalha:
 
"Logo, assim como por meio da desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, assim também, por meio da obediência de um único homem muitos serão feitos justos." (Romanos 5.19).
 
Na Batalha Espiritual, Você corre sério risco se não andar em obediência diante do Senhor.
 
Ele quer sua vitória, em nome de Jesus.

.




Espalhe por a�


Coment�rios
Deixe seu coment�rio

Versículo do Dia



Faça uma doação!

Doe uma oferta voluntária para WebCariri Gospel.